Deliciosamente para si

O bacalhau é apreciado em todo o mundo e acrescenta saúde a qualquer prato. É uma opção incrivelmente magra, com um teor de gordura característico abaixo dos 3% e quase sem hidratos de carbono. Na verdade, 96% das calorias de cada porção de bacalhau provêm da proteína.
O bacalhau da Noruega ofereceu aos primeiros noruegueses a nutrição necessária para sobreviverem aos invernos rigorosos, e agora podemos partilhar o nosso saboroso peixe branco com todo o mundo.

O que torna o bacalhau da Noruega tão saboroso?

A composição da dieta pode afetar diversos fatores de risco no desenvolvimento de doenças cardiovasculares, incluindo os níveis de colesterol no sangue, tensão arterial e a capacidade de coagulação do sangue. Alinhar o conteúdo da dieta com as recomendações da Direção-Geral da Saúde pode ajudar a reduzir ainda mais as ocorrências de doenças cardiovasculares.
The National Council for Nutrition's Report

The National Council for Nutrition's Report

"Evolução na dieta norueguesa 2010"

Nutrition facts

Nutrition value per 100 g of boneless bacalhau

Energy 315 kJ
75 kcal
Protein 17 g
Fat
of which
- Saturated fat 0.7 g
- Monounsaturated fat 0.08 g
- Polyunsaturated fat 0.28 g
of which
- Omega 3 (n-3) 0.24 g
- Omega 6 (n-6) 0.02 g
 
Cholesterol 0 mg
Carbohydrates 0 g
Vitamins
Thiamine
C
Riboflavin 0.04 mg
Niacin 4.6 g
B6 0.26 mg
Folate 12 μg
B12 0.8 μg
A 0 μg
D 1 μg
E 1 mg
Minerals
Calcium 16 mg
Phosphorus 190 mg
Iron 0.2 mg
Magnesium 28 mg
Potassium 355 mg
Zinc 0.4 mg
Selenium 27 μg

Skrei

O bacalhau da Noruega viaja até zonas mais próximas da costa para se reproduzir durante apenas quatro meses do ano. Percorrer várias milhas a nado fortalece os músculos do bacalhau, criando o nosso petisco nacional rico em proteínas: o Skrei.

O Skrei é um dos peixes mais magros que existem, uma vez que o bacalhau armazena o excesso de gordura no fígado e não nos músculos. O Skrei é ainda uma fantástica fonte de vitaminas e minerais. Saiba mais sobre o muito saudável Skrei na página dedicada.

Nutrition facts

Nutritional value of skrei Unit: g / 100g

Fat
(g / 100g)
Carbohydrates Carbs
(g / 100g)
Protein
(g / 100g)
Fillet / Slice 0.3 <0.1 18
Roe 1.7 0 24.3
Liver 60.3 0.7 6.2

O coração adora o bacalhau

Tal como acontece em muitos países ocidentais, na Noruega existe um risco relativamente elevado de ocorrência de doenças cardiovasculares. Num esforço para promover a saúde cardíaca, o Ministério da Saúde Norueguês, tal como a OMS e a FAO, recomenda o consumo de peixe duas a três vezes por semana, num total de 300 a 450 gramas.

Alimentar o mundo

A proteína é um componente essencial da dieta humana, mas em muitas zonas do mundo simplesmente não existe proteína suficiente. A população mundial tem vindo a crescer, esperando-se que ultrapasse os nove mil milhões em 2050. Se considerarmos que atualmente mil milhões de pessoas não têm acesso suficiente a proteína, muito em breve o mundo terá de produzir mais do dobro para responder às necessidades.

Através de uma gestão cuidadosa das nossas reservas de peixe podemos assegurar que o bacalhau da Noruega continua a ser uma fonte de alimento rico em proteína para as gerações futuras.

Two children and a woman looking at a cod

O bacalhau é seguro?

O peixe contém muitos dos nutrientes de que o ser humano necessita numa dieta saudável e variada. No entanto, tal como acontece com outros alimentos, pode conter vestígios de poluentes ambientais.

O Comité Científico Norueguês para a Segurança Alimentar levou recentemente a cabo um estudo de saúde muito abrangente para avaliar os benefícios do consumo de peixe relativamente aos potenciais riscos provocados pelos poluentes ambientais. A conclusão? Os benefícios ultrapassam de longe os riscos, e deveríamos comer muito mais peixe do que o que comemos hoje em dia. Na verdade, recomenda-se o consumo de peixe em 2 a 3 jantares por semana.

Perguntas frequentes

A indústria do peixe na Noruega opera de acordo com a legislação europeia relativa à segurança alimentar. A nossa Autoridade para a Segurança Alimentar é responsável pela verificação da segurança alimentar, recomendando novas medidas e elaborando regulamentos. O Comité Científico para a Segurança Alimentar é responsável pela realização de avaliações de risco.

O bacalhau da Noruega contém diversos nutrientes que não poderá obter de suplementos de ómega 3, incluindo vitamina D, proteínas e selénio. A sinergia destes ingredientes traz mais benefícios para a saúde do que suplementos de ómega 3 por si só. No entanto, para quem tem dificuldade em consumir as duas a três porções de peixe por semana recomendadas, suplementos de ómega 3 podem ser uma forma de conseguir uma dose adequada.

Sim – na verdade esse consumo é incentivado. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que as grávidas aumentem o consumo de peixe e marisco.

O Comité Científico Norueguês para a Segurança Alimentar concluiu que o consumo de sushi durante a gravidez é seguro. Se estiver a preparar sushi, certifique-se de que a cadeia de refrigeração não foi interrompida durante o transporte. O peixe tem de ser congelado pelo menos 24 horas para eliminar todos os parasitas.

Mais informações

Para mais informações sobre os controlos de qualidade e segurança da Noruega, consulte as nossas páginas dedicadasQualidade e Segurança do peixe e marisco .